terça-feira, 28 de outubro de 2014

COLÔMBIA, UM PAÍS CRISTÃO, ENTRE OS PAÍSES QUE MAIS PERSEGUEM A IGREJA.

Com uma população de 46 milhões de pessoas, sendo que 90% são cristãos, a Colômbia ocupa a 25ª posição, entre as nações que mais perseguem os cristãos, estando a frente de países como China, Índia, Emirados Árabes, Territórios Palestinos, entre outros.


A Igreja
O Cristianismo chegou à Colômbia junto com seus colonizadores europeus. A primeira diocese católica foi estabelecida na Colômbia em 1534, enquanto os primeiros missionários protestantes chegaram ao país em 1825. Em 1953, um "tratado de missões" deu direitos exclusivos de evangelização no país às ordens missionárias católicas. Mais tarde, esse tratado foi revogado e a constituição de 1991 eliminou a posição privilegiada da Igreja Católica na sociedade, concedendo maior liberdade às minorias religiosas.
Apesar das disputas entre as diferentes tradições, o cristianismo continua a ser uma força significativa na vida colombiana. O trabalho agressivo de evangelização tem ajudado a Igreja a crescer mais ainda. Pesquisas recentes indicam que a instabilidade do país tem levado os colombianos a reavaliar suas crenças religiosas, o que acaba por gerar um novo temor a Deus, quaisquer que sejam suas doutrinas. Mesmo a guerrilha tem sido alcançada pelo evangelho.
Um bom número de guerrilheiros convertidos e desertores agora estão empenhados em levar a Palavra de Deus a todos ao seu redor, especialmente aos seus antigos companheiros.
A perseguição